Polícia

Copiloto homenageia amigo que morreu durante voo: “Piloto dedicado e que amava voar”

Foto: Reprodução/Facebook

Sem acreditar na morte do amigo, o piloto Benedito Fernando Ricci, o copiloto, Matheus Pasquotti postou na sua rede social a tristeza de perder o companheiro, com quem trabalhava há cinco anos. Benedito morreu durante um voo que fez um pouso forçado, no Aeroporto Internacional de Campo Grande.

No Facebook, Matheus diz: “faltam palavras para descrever o que estou sentindo, escrever o que foram esses 5 anos voando juntos, bagunçando e dando muita risada!!”. Em outro trecho ele diz, “agradeço a Deus por ter conhecido uma pessoa como você, amigo, piloto dedicado que amava voar”.

Muitos amigos do piloto prestaram sua solidariedade neste momento de dor pelo qual a família está passando. A suspeita da morte de Benedito Fernando seria de infarto, mas a família ainda espera pelos laudos para a confirmação da causa da morte.

Ele será sepultado na tarde deste domingo (7), na cidade paulista de Rio Claro. A aeronave onde estava o piloto teve de ser assumida pelo copiloto Matheus Pasquotti depois que o amigo passou mal durante o voo.

O piloto já teria chegado sem vida ao aeroporto. Uma equipe da Quali Salva teria feito os primeiros socorros, mas sem sucesso. O corpo foi levado do aeroporto pelo serviço de saúde. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a equipe localizada dentro do Aeroporto ficou de sobreaviso, caso precisasse prestar algum auxílio.

Comentários