Polícia

Padrasto chantageia e estupra enteada ao descobrir que ela é lésbica

Foto: Divulgação

Uma jovem de 18 anos procurou a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) em Campo Grande, nesta quinta-feira (2), para denunciar um estupro cometido pelo padrasto, de 25 anos. Ela afirmou que o crime aconteceu depois que o homem descobriu que ela é lésbica.

Conforme as informações da polícia, em abril deste ano, a mãe da menina viajou. O padrasto teria flagrado, então, ela beijando outra menina e fez um vídeo. De posse das imagens, o homem passou a chantagear a enteada, se caso não mantivesse relação sexual com ele, o vídeo seria mostrado para a família.

Após o estupro, a vítima chegou a contar na diretoria da escola onde estuda sobre o crime, mas nada foi feito. A delegada Thaís França, da Deam, informou que deve ouvir a diretoria e também outras testemunhas sobre o caso. A vítima procurou a delegacia de polícia nesta quinta. O caso foi registrado seguirá em investigação.

Comentários