Polícia

Após motim, agentes apreendem armas artesanais em presídio

Divulgação

Presos ameaçaram agentes e pente-fino foi realizado com apoio do Choque

Motim iniciado por preso na Penitenciária Estadual de Dourados (PED) foi controlado nesta quarta-feira. Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar dfizeram pente-fino na unidade e apreenderam celulares, várias artesanais e encontraram grades de celas serradas. O suposto túnel que suspeitava-se que havia no presídio para fuga em massa também não foi encontrado.

Os 40 policiais do Choque foram enviados para controlar o motim, iniciado ontem pelos detentos. De acordo com o site Dourados Agora, internos do setor B-4, ala ocupada por presos considerados de alta periculosidade e ligados à facções criminosas, impediram que agentes penitenciários entrassem no setor para checar a existência do possível túnel e ameaçaram os servidores com facas e pedras.

Cerca de 120 presos ficaram amotinados durante toda a tarde e deixaram de realizar as atividades de rotina dentro da penitenciária, sendo necessário o envio do Choque pela Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), para trabalhos de contenção e desaglomeração dos detentos.

Após vistoria nas celas da ala, foram encontradas três delas com as grades serradas, celulares e 86 facas artesanais.

Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) informou que a situação está controlada no presídio e que a mobilização dos detentos para impedir os agentes de vistoriarem as celas não caracteriza motim.

Comentários