Idoso é preso por esganar cãozinho até a morte

Antes de ser esganado, filhote foi chutado e jogado contra a parede; caso ocorreu no Bairro Maria Aparecida Pedrossian

| KEROLYN ARAúJO / CAMPO GRANDE NEWS


Idoso foi preso em flagrante e levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Cepol. (Foto: Paulo Francis)

Idoso, de 60 anos, foi preso na noite desta quarta-feira (13) por maus-tratos, após matar um filhote de cachorro esganado. O caso ocorreu no Bairro Maria Aparecida Pedrossian, em Campo Grande.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, a ex-mulher relatou que encontrou  o idoso num bar da região, ingerindo bebida alcoólica. Ele estava com um filhote de cachorro.

A mulher levou o ex-marido para casa e ele foi direto para o cômodo onde dorme, nos fundos do quintal. O idoso levou o cachorro e trancou a porta do quarto.

Pouco tempo depois, a ex-mulher começou a ouvir latidos e gemidos do cachorro. Ela foi ver o que estava acontecendo e encontrou o idoso esganando o filhote. Assustada, ela saiu em busca de socorro.

A Polícia Militar foi acionada e, quando chegou ao local, encontrou o cachorro morto no corredor, com sangue e fezes ao redor.

Aos militares, o idoso contou que ganhou o filhote no bar e levou para casa. O cachorro teria avançado contra ele e, por isso, começaram as agressões. O animal foi chutado, jogado contra  a parede e esganado até a morte.

O idoso foi preso em flagrante e levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Cepol.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE