Diagnosticada com covid-19, idosa morre em hospital de Nova Andradina

Ela estava internada na UTI e testou positivo para a doença

| TAINá JARA / CAMPO GRANDE NEWS


Rosalina de Jesus Dias era sogra de um diretor de escola (Foto: DivulgaçãoRedes Sociais)

Idosa moradora do município de Nova Andradina, distante 301 quilômetro de Campo Grande, pode ser a segunda morte pelo novo coronavírus no município. Rosalina de Jesus Dias estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Regional Francisco Dantas Maniçoba, localizado na cidade, e testou positivo para a doença.

Em entrevista ao site Nova News, o secretário municipal de Saúde, Sérgio Maximiano, afirmou que a idosa estava diagnosticada com covid-19, porém, ainda não foi divulgada a causa exata da morte.

Conforme o procedimento para casos de óbitos de pessoas suspeitas com confirmadas com covid-19, não deve ocorrer velório, sendo o corpo encaminhado diretamente para sepultamento.

Caso seja confirmado a contaminação pelo novo coronavírus como causa da morte, está será a segunda vítima da doença na cidade. A SES (Secretaria Estadual de Saúde) ainda não foi notificada do óbito.

No dia 25 de junho, mulher de 46 anos, também morreu após ser infectada pelo novo coronavírus. Na ocasião, a causa do óbito foi confirmada horas depois em nota oficial emitida pela Saúde Estadual.



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE